19°C 31°C
Santo Antônio da Platina, PR
Publicidade

Com apoio do Estado, Show Rural 2024 bate recorde de comercialização e público

A edição desse ano também teve recorde de público. Nos cinco dias de feira, circularam pelo Show Rural Coopavel 391.316 pessoas, contra 384.122 de...

10/02/2024 às 19h56
Por: Neymar Bandeira Fonte: Secom Paraná
Compartilhe:
Foto: Gabriel Rosa/AEN
Foto: Gabriel Rosa/AEN

Maior feira agropecuária do Paraná, o Show Rural Coopavel, de Cascavel, voltou a bater recorde de volume de negócios e de público. Encerrada nesta sexta-feira (9), a edição de 2024 chegou à marca de R$ 6,1 bilhões comercializados. O volume é 22% maior do que os R$ 5 bilhões movimentados na edição de 2023.

A edição desse ano também teve recorde de público. Nos cinco dias de feira, circularam pelo Show Rural Coopavel 391.316 pessoas, contra 384.122 de 2023. O público é maior do que a população da quarta cidade mais populosa do Paraná, Ponta Grossa, que tem 358.371 habitantes.

“Foi o maior evento da história do Show Rural Coopavel. Pudemos compartilhar com o Paraná, o Brasil e toda a América do Sul esses números fantásticos em que tivemos a participação não só dos produtores rurais, mas também de toda a sociedade, incluindo caravanas da América do Sul e também de outros continentes”, comemora Dilvo Grolli, presidente da Cooperativa Agroindustrial de Cascavel (Copavel), que organiza o evento.

O Governo do Paraná é um dos principais apoiadores da feira. Empresas estaduais levam estandes ao Show Rural Coopavel para intensificar o diálogo com segmentos da economia e técnicos do Sistema Estadual de Agricultura (Seagri).

O governador Carlos Massa Ratinho Junior visitou o Show Rural Coopavel terça-feira (6). Na oportunidade, o governador assinou uma série de financiamentos para fortalecer o agronegócio paranaense , apoiando desde pequenos produtores rurais até as cooperativas, cuja produção movimenta o mercado interno e a exportação paranaense.

Um dos destaques foi a assinatura de contratos do Banco do Agricultor Paranaense e do programa Trator Solidário, que beneficiam pequenos produtores rurais, responsáveis por aproximadamente 45% da produção bruta do Paraná.

Lançado em 2021 pelo governador Ratinho Junior, o Banco do Agricultor Paranaense é uma iniciativa do Governo que oferece subvenção econômica a produtores rurais, cooperativas, associações e agroindústrias familiares, disponibilizando financiamentos com juros mais baixos ou mesmo juro zero a esse segmento. O programa também apoia a geração de energia renovável nas propriedades rurais e a instalação de sistemas de irrigação.

Já o programa Trator, Implementos e Equipamentos Solidários para a Agricultura Familiar do Paraná possibilita o financiamento, com preços mais acessíveis de tratores, pulverizadores e colhedoras para pequenos produtores. A iniciativa é uma parceria entre a Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento (Seab), Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná (IDR-Paraná), Fomento Paraná, agentes financeiros e cooperativas de crédito, além de fabricantes desses maquinários.

COOPERATIVAS– As cooperativas também foram beneficiadas com financiamentos durante o Show Rural Coopavel. Ratinho Junior assinou dois protocolos de intenções do Programa de Apoio ao Cooperativismo da Agricultura Familiar do Paraná (Coopera Paraná). O programa tem objetivo de fortalecer as cooperativas para melhorar a competitividade e a renda dos agricultores familiares paranaenses, com foco em agroecologia e agricultura orgânica. De 2019 a 2023, o programa investiu R$ 72,5 milhões, beneficiando 101 cooperativas e 66 associações a partir de 215 projetos.

O Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) liberou R$ 621,5 milhões para investimentos no agronegócio . O montante atende desde as principais cooperativas do Paraná até pequenos produtores rurais que poderão aumentar a produtividade em suas propriedades. Os financiamentos são, principalmente, para ações de inovação no agronegócio. Desse montante, R$ 617 milhões são apenas para cooperativas, como a C.Vale, que vai receber R$ 150 milhões.

O BRDE e a Secretaria de Estado do Planejamento também assinaram um protocolo para trabalhar de forma conjunta para aprimorar os projetos de Concessão e Parcerias Público-Privadas (PPPs) do Estado, dentro do Programa de Parcerias do Paraná (PAR).

O BRDE ainda liberou recursos para Cornélio Procópio , empresas inovadores , e assinou a criação da chamada pública do Fundo Verde . Durante os cinco dias de participação no Show Rural, o BRDE também prospectou novos negócios, fortaleceu suas parcerias com cooperativas e empresas e assegurou seu posicionamento como maior repassador de recursos para linhas de inovação. A equipe técnica estima que o BRDE deve alcançar contratações na ordem de R$ 2 bilhões em todo o Paraná.

BIOGÁS, UNIVERSIDADES E ESCOLAS – Outro destaque da passagem do governador pelo Show Rural Coopavel foi o compromisso de o Estado de ampliar a implantação do biogás e do biometano no meio rural. O documento foi assinado pelo governador durante a feira e estabelece como principal estratégia o fortalecimento do Programa Paraná Energia Rural Renovável (RenovaPR).

Além disso, as universidades estaduais e os colégios agrícolas montaram uma programação especial para apresentar projetos inovadores desenvolvidos com investimento público.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Santo Antônio da Platina, PR
20°
Tempo limpo

Mín. 19° Máx. 31°

20° Sensação
2.82km/h Vento
93% Umidade
17% (0mm) Chance de chuva
06h16 Nascer do sol
06h48 Pôr do sol
Dom 32° 18°
Seg 34° 19°
Ter 34° 20°
Qua 26° 20°
Qui 24° 19°
Atualizado às 02h10
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 4,95 -0,06%
Euro
R$ 5,38 +0,13%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,26%
Bitcoin
R$ 325,576,09 -1,34%
Ibovespa
129,180,37 pts 0.12%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade